5 dicas para manter a sua saúde financeira Blog Mais Valor

23/09/2020, atualizada em: 23/09/2020

5 dicas para manter a sua saúde financeira

Saber como organizar as finanças é um desejo de muitos brasileiros, principalmente para aqueles que querem se livrar de dívidas, investir, realizar sonhos ou simplesmente, ter um dinheiro extra no fim do mês. Por isso, listamos 5 dicas para manter a sua saúde financeira em dia!

1. Faça um diagnóstico das suas finanças

O primeiro passo para organizar as suas finanças pessoais é detalhar todos os seus rendimentos e gastos mensais. Você deve saber exatamente o quanto do seu salário vai para cada conta fixa e o quanto sobra para os demais gastos. Anote tudo e identifique quais as principais fontes de entrada e saída de dinheiro.

2. Planeje seu orçamento pessoal

O próximo passo é criar uma planilha com todos os seus gastos fixos e datas de pagamento, existem alguns aplicativos que podem lhe ajudar neste processo. Após realizar essa estimativa, avalie o quanto do seu rendimento é destinado para contas fixas; recomenda-se que você destine no máximo 50% da sua renda para essas despesas. Se ultrapassar muito este limite, procure alternativas para baratear as contas ou corte algumas despesas que você julgue menos importantes.

Através do orçamento você poderá saber o quanto de dinheiro você terá disponível para passeios, viagens, etc e prever um valor fixo mensal para guardar.

3. Livre-se das dívidas

Com o orçamento em mãos você pode avaliar qual a melhor alternativa para quitar as suas dívidas. Seja através de uma negociação com a empresa que você deve, ou simplesmente a partir do remanejamento de gastos.

Uma dica é começar pelas contas com juros mais altos, como cartão de crédito e cheque especial; isso porque, quanto mais demorado for o pagamento, maior será o valor final da dívida. Você também pode recorrer a um empréstimo para quitar mais rápido a conta, o que pode ser bastante vantajoso, já que é possível negociar valores mais favoráveis e baratear a dívida com o pagamento à vista.

Leia mais sobre isso neste post.

4. Inclua a sua família

Organizar a saúde financeira é um processo longo, que envolve rever hábitos e mudar atitudes. Alguns cortes mínimos, como: demorar menos no chuveiro, apagar a luz, cortar gastos extras do cartão de crédito ou cozinhar mais em casa, por exemplo, podem fazer muita diferença no final do mês.

Por isso, se você quer manter a sua saúde financeira, reúna a sua família e converse sobre o assunto. Busquem soluções que agradem a todos e que possam ser incluídos sem grandes problemas na rotina da sua casa.

5. Invista no seu futuro

Depois de colocar todas as contas em dia e organizar o seu orçamento, você pode começar a pensar em alternativas que gerem frutos no futuro. Além de guardar dinheiro você pode investir em si mesmo e planejar a compra de bens como veículos e imóveis.

Uma opção bastante atrativa é através do consórcio, que além de ser seguro, oferece taxas de juros menores e parcelas que se adaptam ao seu orçamento. É um dos investimentos mais viáveis para quem dispõe de uma margem mensal pequena, mas que pode render bons resultados à longo prazo com a compra de bens.

Faça uma simulação no site, leva apenas alguns minutos, e veja as opções que se encaixam no seu perfil.;)

Gostou das dicas? Agora é só colocar em prática!

Ao acessar nosso site e serviços, você concorda com as condições de nossa política de privacidade e termos de uso.