Golpes da internet para ficar de olho em 2021 Blog Mais Valor

26/04/2021

Golpes da internet para ficar de olho em 2021

Fraudes envolvem PIX, aplicativos de mensagens e muito mais

No último ano, o Brasil foi o país mais atingido por golpes da internet, como tentativas de roubo de informações pessoais e financeiras - prática conhecida mundialmente como phishing-, segundo levantamento realizado pela empresa de segurança da informação, Kaspersky.

De acordo com a organização, entre fevereiro e março do ano passado, o número de ataques em golpes da internet cresceu 120% no Brasil. As fraudes online podem ser aplicadas de diversas formas e envolvem PIX, Whatsapp, links falsos, e-mails fraudulentos etc.

Veja como se proteger dos Golpes da Internet

Para ajudar você a não ter dor de cabeça, preparamos uma lista com alguns dos golpes mais comuns na internet em 2021 e como se proteger deles!

1. Golpes no WhatsApp

Este tipo de fraude tem se tornado cada vez mais comum no país. Os criminosos virtuais enviam uma mensagem pelo WhatsApp solicitando dados da vítima, com a justificativa de que precisam confirmar informações e solicitam que a pessoa envie um código que receberá via SMS.

Com o código, eles conseguem bloquear o WhatsApp da pessoa e instalá-lo em outro celular. Dessa forma, conseguem acesso aos seus contatos e enviam mensagens falsas pedindo dinheiro a familiares e amigos.

Uma boa dica para escapar do golpe, é ativar no aplicativo a verificação em duas etapas, para dificultar a clonagem e NUNCA compartilhar códigos de segurança recebidos por SMS.

Além disso, sempre que receber um pedido financeiro de um amigo ou familiar, você deve confirmar com ele se de fato a mensagem é legítima.

2. Golpes usando o PIX

Principalmente pelo fato de se tratar de um sistema novo e prático para enviar e receber dinheiro, o PIX tem se tornado um dos principais alvos de golpes na internet. Dois dos golpes mais comuns são o de falsa central de atendimento e golpe do “bug” no PIX.

Falsa central de atendimento

Neste golpe, os criminosos entram em contato com a vítima se passando por funcionários de instituições bancárias, com a justificativa de auxiliá-la a cadastrar as chaves PIX. Dessa forma, os estelionatários conseguem dados da pessoa e/ou o induzem a fazer uma transferência para testar o novo sistema de pagamento.

De acordo com a Federação Brasileira de Bancos (Febraban), as instituições bancárias jamais ligam para usuários pedindo a confirmação de dados ou solicitando testes via PIX, portanto, sempre desconfie se alguém lhe solicitar dados via telefone.

Golpe do “bug”no PIX

Nesta modalidade, os golpistas enviam mensagens e vídeos falando de um falso bug no PIX que possibilita ganhar o dobro do valor que foi transferido para chaves aleatórias. Porém, ao fazer o processo, o usuário está, na verdade, enviando dinheiro aos golpistas.

3. Golpes envolvendo a vacinação contra Covid-19

Neste caso, os criminosos criam sites falsos e disparam e-mails contendo informações sobre supostas vendas de vacinas, com o objetivo de induzir os usuários a clicarem em links fraudulentos e assim conseguirem acesso aos dados das vítimas.

Para evitar cair no golpe, confira sempre se o site ou e-mail recebido é de fonte legítima, como sites governamentais, por exemplo.

4. Golpe do falso pagamento

Aqui os golpistas se passam por compradores em plataformas de e-commerce e enviam aos vendedores um comprovante de pagamento falso ou adulterado para concluir a compra, induzindo o vendedor a enviar o produto, sem que o pagamento seja efetivamente realizado.

A recomendação para evitar esse tipo de fraude, é checar com o seu banco ou com a plataforma de e-commerce se o pagamento realmente ocorreu, antes de enviar o produto. Outra dica, é tentar manter a negociação sempre dentro das plataformas de vendas, evitando e-mail e aplicativos de mensagem.

5. Golpe do Boleto falso

Também conhecido como bolware, esse é um dos golpes da internet mais comuns no país e consiste na adulteração de códigos do boleto, para um código que favoreça o criminoso virtual. A ação pode ser feita de várias formas:

  • Clicando em links e anexos através de e-mails falsos.
  • Clicando em links em sites contaminados.
  • Baixando softwares piratas contaminados.
  • Por inserção direta do vírus, através de invasões na rede.

Depois da contaminação no aparelho, o vírus passa a ter acesso às movimentações da vítima e quando é gerado um boleto no navegador, ele altera os dados originais da linha digitável do documento, e dessa forma, favorece o criminoso ao invés do beneficiário original.

Entre as dicas para evitar cair no golpe estão: a instalação de um antivírus, evitar abrir links suspeitos, conferir todas as informações do boleto e observar se os três primeiros caracteres da linha digitável correspondem ao código de identificação do banco emissor.

Golpes de Empréstimos com pagamento adiantado

Este é outro “famoso” golpe da internet, onde os criminosos oferecem empréstimos para aposentados e pensionistas e até mesmo para negativados, porém, os golpistas pedem que seja feito o depósito de uma taxa como um “adiantamento” ou uma garantia. NÃO CAIA NESSA!

O adiantamento de qualquer valor na solicitação de um empréstimo é ilegal. Por isso, fique atento, a Mais Valor nunca solicita nenhuma quantia antecipada. O valor do empréstimo é liberado primeiro e só depois de um período estipulado é que começam os pagamentos das parcelas, conforme previsto em contrato.

Qualquer dúvida, fale com nossos consultores aqui!

Nós temos as melhores condições de crédito para você, com opções facilitadas e com toda a segurança que você precisa.